Sorria o Mochila & Capacete foi até à Bahia

Post atrasado, mas não sonegado!

No superferiadão do mês de novembro tive a oportunidade de conhecer a Bahia, aproveitei o casamento de um grande amigo meu em terras soteropolitanas e dei uma de turista, conhecendo, no tempo que tive, alguns pontos turísticos da terra do Senhor do Bonfim, do acarajé e da simpatia. Segue aqui, não um relato de viagem, mas uma série de dicas de como aproveitar esta linda capital brasileira.

- Não deixe de conhecer  o Farol da Barra,  construção datada de 1698, que abriga o Museu Náutico  da Bahia (R$ 10,00 a entrada). Do alto do farol se tem uma vista incrível da praia de mesmo nome.

- Após a visita ao farol, vale a pena caminhar pela orla de onde se tem a vista de antigas construções e das belíssimas  praias e almoçar em um dos ótimos restaurantes da praia da Barra.

-Após visitar a região da praia da Barra pegue um ônibus de linha, se misture com os populares, e vá até o centro histórico. Lá não deixe de andar no Elevador Lacerda (R$ 0,15 cada trecho) e de conhecer as belas e inúmeras igrejas do pelourinho, pena que durante minha estada estavam quase todas fechadas.

- Umas das poucas Igrejas que consegui visitar foi a Ordem Terceira de São Franscisco (R$ 3,00), que impressiona pelo luxo e adornos em ouro e mármore, um contradição por se tratar de um santo conhecido pelo voto de pobreza.

- Fiquei hospedado no bairro de Rio Vermelho, sendo que ali do lado tem uma ótima praia, a praia do Buracão, sem muita badalação e quase que vazia a praia é bem melhor para o banho de sol e de mar do que as praias mais próxima do centro.

- Um ótimo restaurante de comida típica baiana é o Yemanjá, na praia de Armação, o preço é um pouco salgado, mas vale a pena.

- Não deixe de visitar a Praia do Forte, estávamos em um grupo grande devido ao casamento e fechamos uma van para o tour (R$ 50,00 por pessoa), passando pela já citada praia e fechando o dia na praia de Guarajuba.

- Na Praia do Forte visite o Projeto Tamar (R$ 16,00),  além do lance de preservação é muito legal ver as tartarugas pequenas, médias, grandes e gigantes!

- Procure fechar os traslados entre hotel e aeroporto, bem como os passeios, com vans, pois sai bem mais em conta do que os táxis. Utilizei a van do Rodrigo (071 9608-4234) , que buscou um a um o meu grupo de amigos no aeroporto, fez  o transporte da maioria dos passeios e nos levou ao casamento, que foi na praia do Buraquinho.

- Os vendedores ambulantes são super simpáticos, mas se você quer sossego logo de cara, deixe o primeiro que aparecer amarrar a fitinha do Senhor do Bonfim em seu braço e depois compre um colar, ou algum artesanato e ande com ele por Salvador e não será mais incomodado. Eles dão a fitinha para “marcar” que o turista já tem “dono” e, assim, só aquele que te deu a fitinha é que vai te vender as coisas.

- Não pude visitar o Mercado Modelo, pois estava fechado devido ao feriado, várias igrejas do pelourinho também não estavam abertas a visitação.  Devido ao tempo escasso não consegui visitar a Igreja do Senhor do Bonfim e algum dos outros pontos turísticos.

A Bahia é um lugar lindo, mas três dias é pouco para conhecer tudo que ela oferece, com certeza voltarei com mais tempo para desfrutar de todo o axé que esta terra abençoada oferece.

Mais fotos dessa viagem você encontra no meu flickr

About mochilaecapacete

Mochila & Capacete é o blog pessoal do montanhista, motociclista e mochileiro Marcos Paulo L. Ferreira.
This entry was posted in Relatos de viagem and tagged , , . Bookmark the permalink.

2 Responses to Sorria o Mochila & Capacete foi até à Bahia

  1. Erlan Valverde (o noivo) says:

    Marcão, excelente post! Bom saber que vc não herdou o “talento” do seu irmão para blogs…rs
    Com certeza a Bahia vale mais uma visita.
    Abs,

  2. mochilaecapacete says:

    Obrigado pela visita Erlan!! Ia falar do casamento, mas não lembro muita coisa…rs
    Abracos

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>